Associação das Mulheres de Paraisópolis leva projeto de corte e costura para a Cidade Ademar

Em busca de promover a capacitação e o empoderamento de mulheres em situação de vulnerabilidade…

Foto: Luíz Maike

Em busca de promover a capacitação e o empoderamento de mulheres em situação de vulnerabilidade social, a Associação das Mulheres de Paraisópolis (AMP) em parceria com a Costurando Sonhos Brasil,que já formou cerca de 600 mulheres na segunda maior favela de São Paulo, agora expande o projeto de capacitação em corte e costura para a Cidade Ademar. O lançamento acontece nesta terça-feira, 02 de maio, no espaço do Anjos do Bem. Serão capacitadas 50 mulheres, graças a uma emenda parlamentar da deputada federal Tabata Amaral (PSB-SP).

Serão duas turmas para capacitação, uma no período da manhã (das 08h às 12h) e outra à tarde (das 13h às 17h). Os cursos terão duração de dois meses e seguirão de uma nova capacitação, para fomentar a entrada dessas mulheres no mercado de trabalho.

“Nós queremos garantir não só que a mulher saia capacitada em costura, como também que saiam empreendedoras, capazes de produzir para as grandes companhias, como Americanas, Santander e Itaú”, afirma uma das idealizadoras da iniciativa, Suéli Feio. “Essa é a melhor forma para elas terem renda no longo prazo e ficarem independentes”.

A deputada Tabata Amaral destinou a emenda parlamentar e foi quem teve a ideia de trazer o projeto para Cidade Ademar. “Nossas periferias são quem melhor sabem trazer as respostas para os seus próprios desafios. Vi um projeto brilhante em Paraisópolis, que mudou a vida de centenas de mulheres, e sabia que tinha que levá-lo para a nossa Cidade Ademar”.

O Costurando Sonhos foi criado em 2017, na Favela de Paraisópolis, para dar condições dignas às mulheres que sofreram violência doméstica ou estavam em situação de grande necessidade financeira. Apoiado pelo G10 Favelas, o projeto, em pouco mais de 5 anos, qualificou centenas de mulheres em corte e costura, realizando qualificação com parceiros como o SENAI, Sodexo e Instituto C&A, e se expandiu para 6 estados e para o Distrito Federal.

“É uma honra receber o Costurando Sonhos no espaço do Anjos do Bem”, diz Bruno Costa, presidente do projeto. “É um novo projeto que se somará às outras atividades culturais, educacionais e formativas do circo-escola”.

A Associação das Mulheres de Paraisópolis, em parceria com o Costurando Sonhos Brasil, além de impactar a vida das mulheres de Paraisópolis, agora vai impactar a vida de outras mulheres na Vila Missionária por meio de capacitação em corte e costura.

De acordo com Flávia Rodrigues, presidente da AMP, havia uma necessidade não só em Paraisópolis, pois a questão da violência e do desemprego estão presentes também em outras comunidades. “Esse é um dos passos muito importante para combater a violência doméstica, promovendo o empoderamento feminino, além de gerar emprego e renda para que a mulher tenha condições e consiga sair do ciclo de violência e possa se sustentar”, comentou.


As inscrições para o projeto estarão abertas até 06/05 e podem ser feitas pelo link: https://url.gratis/YZV6Dx

As aulas iniciarão em 09/05.

Sobre o evento de inauguração:
Quando: 2 de maio de 2022, das 15h às 17h.
Local: Espaço Anjos do Bem – Rua Joaquim Forzano, 50 – Vila Guacuri

Evento aberto a toda a comunidade!