Tiago Camilo lança projeto Judô Paraisópolis neste sábado (30/06)

0

Resultado da parceria entre o judoca medalhista olímpico e a União dos Moradores e do Comércio de Paraisópolis (UMCP), iniciativa tem por objetivo estimular a prática do esporte por crianças e adolescentes moradores da segunda maior favela de São Paulo

Neste sábado (30/06), o medalhista olímpico brasileiro Tiago Camilo dará início ao projeto Judô Paraisópolis na segunda maior favela de São Paulo. As aulas terão a visita do atleta frequentemente. O projeto será para meninos e meninas moradores da comunidade, com idades entre 6 e 17 anos. Para participar dos treinamentos, que acontecerão sempre de segunda e quarta-feira no Centro Educacional Unificado (CEU) de Paraisópolis, as crianças e adolescentes deverão estar matriculados em uma instituição de ensino regular.

Resultado da parceira entre a União dos Moradores e do Comércio de Paraisópolis (UMCP) e do Instituto Tiago Camilo, o projeto visa incentivar a prática do esporte como meio de apoio ao desenvolvimento psicomotor e social. “O judô é uma ferramenta de transformação de pessoas. A partir de conceitos como atenção, concentração, controle da força e senso espacial estimulamos o desenvolvimento do caráter”, diz Camilo, que inicialmente dará aulas para 200 crianças.

“Contar com um projeto liderado por Tiago Camilo, grande esportista que representará mais uma vez o nosso país nas Olímpiadas, é motivo de grande orgulho para a nossa comunidade. O ensino de judô é mais uma passo para garantirmos um futuro melhor aos nossos jovens e mantê-los afastados da criminalidade”, comenta Gilson Rodrigues, líder comunitário de Paraisópolis.

Todos os inscritos receberão um kit de treinamento contendo kimono, chinelo e a camiseta. O lançamento oficial do Projeto Judô acontece a partir das 10 horas, no Campo do Palmeirinha – Rua Melchior Giola S/N.

Share.

About Author

Editor do Jornal Espaço do Povo

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: