Circo resiste como opção de lazer e cultura

0
Está ficando apenas na memória o elegante grito “Respeitável público”. O circo, hoje já não é mais como foi por décadas desde a sua chegada ao Brasil, no início do século XIX.
Antes era uma das poucas, senão a única, opção de lazer e cultura para a população. Ainda continua vivo, apenas sem o mesmo destaque de quando os palhaços eram celebridades de primeira.
O circo Real Brasil é uma prova de que a tradição familiar não morreu. Há mais de 30 anos ele passou de geração em geração animando a população com espetáculos composta por mágica, palhaço, trapezista, tecido aéreo, laços de chicote, homens vulcões, malabaristas e outras diversões.
“Dentro de São Paulo, Paraisópolis é um lugar bom de se instalar, onde temos muito acesso. Essa é a terceira vez que estamos na comunidade, desde 2002”, declara o proprietário Sepulveda Junior, 36 anos.
O circo se instalou no campo do Murão, atrás do AMA Paraisópolis, e tem programação até final de outubro. Os espetáculos e shows infantis acontecem nas sextas-feiras, ás 20h30,  aos sábados ás 18h00 e 20h30 e aos domingos ás 16h00, 18h00 e 20h30.
Share.

About Author

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: